quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

A carta

Aquela carta que não escrevi
Diria tudo o que, então, sentia
Falaria de toda a minha paixão.
Mas o tempo passou, nem percebi
Enquanto isso, a vida toda acontecia
E o escrever ficou apenas na intenção.
Até que num dia novamente a vi.
Não é que tudo aquilo ressurgia?
Não é que outra vez agitou o meu coração?
Talvez não viesse na carta que não recebi
A resposta que em seus olhos agora eu via:
"Nos perdemos, amor, com a tua indecisão..."

Nenhum comentário: