sábado, 30 de abril de 2011

Uma melodia


Não é nada, não
É só uma canção
Ao som de um violão.

É um som maneiro
Em que por inteiro
Me entrego em emoção.

É só uma melodia
Num pouco de poesia
Um som.
Que traz a liberdade
Num gosto de saudade
Que é bom.

Nenhum comentário: