sexta-feira, 12 de setembro de 2014

Certezas?

Nunca teve certezas sobre tempo e espaços. Sobre lógicas e razões. Sobre motivos e desculpas. Sobre argumentos e teorias. Sobre o que chamava a sua atenção ou mesmo o que não lhe causava interesse algum. Sempre soube apenas onde não queria estar.

Nenhum comentário: