sexta-feira, 3 de agosto de 2007

Saber viver

Caminhos que se renovam
Em muitas andanças.
Braços abertos que aprovam
E trazem novas esperanças.

Mãos que se apertam com firmeza
Ao pôr-se fim a uma saudade.
Reforçam toda a beleza
E a força de uma amizade.

Sorrisos que vêm com brilho no olhar.
Mais que o riso, um acolher.
Causam a vontade de ficar
E deixar a vida acontecer.

Amar assim, aos pouquinhos
Sem temer-se a despedida.
Viver assim, sonhos e carinhos
E fazer destes sonhos uma vida.

Nenhum comentário: